Blog

Welcome to my blog

Restauração

Arola… para o meu aniversário.

Comemorei os meus 18 anos e fui celebrar ao Arola…  😏

…e não fiquei fã. 😕

Este post já vem com um mês de atraso… peço imensa desculpa pela minha falta de tempo para os meus desabafos virtuais… shame on me… mas passei o post do Web Summit à frente deste e tudo…

Digamos que não foi bom, nem mau… e é isso que me chateia. Digo-vos apenas que não fiquei com vontade de repetir, nem de tirar as dúvidas com que fiquei sobre como será a vista se tivesse ido almoçar, não me cativou nadinha, fiquem desde já a saber porquê…

 

Uma miúda que adora fazer anos…

… e de comer bem!

Eu sou das que ADORA fazer anos.
Sou das que um mês antes do acontecimento já está à procura de um sítio onde possa juntar todas as pessoas que me aquecem a alma e o coração. Sou das que fica triste quando aqueles que confirmam a presença, à última hora dizem que não aparecem, mas sou das que fica de coração SUPER cheio e quente com todos aqueles que vão.

Este ano foi igual. A noite de 31 de Outubro para 1 de Novembro passei com os amigos, como sempre! O almoço de dia 1 foi com a família – costuma ser lanche, mas este ano fui ao tasco mais fixe de Portugal – e ao jantar foi um momento apenas a dois no Arola – Penha Longa, onde já queria ir há algum tempo e…

Foi uma desilusão…

Onde há Ceviche, já não vejo mais nada na lista e foi isso mesmo que pedimos para começar os frios, um robalo em ceviche tradicional peruano em leite de tigre e uma salada de caranguejo real servido com pão de coca tostado, e, podíamos ter terminado o jantar por aqui, para manter a coisa pela positiva.

Para quentes, pedimos um falso arroz cremoso de lingueirão aberto em água do mar, queijo idiazobal e coentros, bom mas nada de magnífico, ainda assim melhor que os Ovos e Batatas, inspirados nos ovos da Casa Lucio – Madrid, batata salteada em alho e salsa, servido com presunto castro y gonzalez e ovo bt. As batatas estavam ocas… e a pouca batata que restava parecia puré, todo o prato era demasiado gorduroso… e eu que adoro ovos rotos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para terminar pedimos um Creme Brulé de laranja e alecrim que partilhámos e deu parar animar… um pouco.

Deu para perceber que não fiquei fã nem do conceito, nem dos sabores nem do proveito? O espaço é top, a experiência deixou-me muito a desejar…

O restaurante Arola é uma das várias casas de Sergi Arola, cozinheiro espanhol que tem duas estrelas Michelin no restaurante de Madrid, o Sergi Arola Gastro e por isso mesmo, esperava muito mais. O conceito passou apenas por umas tapas, algumas criativas, outras nem tanto.

Foi um… Nheckk… 😶

 

E se ainda tiveres tempo:

You Might Also Like


1 Comment

  1. Patrícia

    Ohhh que pena!! Tinha muita vontade de ir, mas perdi. Estive com ele no peixe em Lisboa e até estive num debate que ele participou… ele e outros chefes que de respeito. Provei pratos dele e gostei da inovação e da combinação de sabores. Mas depois do ir comentas fiquei com a expectativas muito baixas e quando o chefe não está no restaurante a tempo inteiro, começo a duvidar da qualidade e integridade dos pratos… beijinhos enormes e fui😜😘


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *